quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Mico da Câmara Pereira celebra 30 anos de carreira em concerto no Salão Preto e Prata do Casino Estoril

Em noite comemorativa dos seus 30 anos de carreira, Mico da Câmara Pereira protagoniza, no próximo dia 27 de Setembro, pelas 21h30, um concerto especial intitulado “A Tua Voz É Saudade” no Salão Preto e Prata do Casino Estoril. Trata-se deum espectáculo único, no qual Mico da Câmara Pereira convida a subir ao palco um elenco de nomes consagrados da música portuguesa como Olga Prats, Luís Represas,Mafalda Arnauth, José da Câmara, os Irmãos Francisca, Nuno e Gonçalo da Câmara Pereira, Frederico B.C., Rui Melo, Silvestre Fonseca, Noa, Paula Varella Cid, João Campos, Grupo de Cante Alentejano Bafos de Baco e a Tuna Académica do Liceu deÉvora. 

Com um enquadramento intimista, Mico da Câmara Pereira propõe, durante duas horas,uma viagem musical pelos seus três Cd’s editados que marcaram diferentes épocas da sua carreira. O público poderá acompanhar as melhores composições de "À Sombra da Lua" de 1999, "Por Viver Assim" de 2002, e "A Tua Voz é Saudade de 2016
O concerto “A Tua Voz É Saudade” reúne, assim, um notável elenco que irá, decerto,envolver o público em tudo o que se está a passar em palco. Está, assim, assegurado um belo momento de intimidade que será partilhado por todos os que estiverem presentes no Salão Preto e Prata do Casino Estoril.A aventura da música tem forçosamente de ter um sentido, talvez porque ao centrar-sena imaginação da sociedade, ela promova educação e alimente o sonho de quem a vive ou a segue de perto.

A música será, por isso, de todas as artes, aquela que mais facilmente nos fala das coisas mais elevadas e mais profundas, como se esse dar a mão, gerasse uma espécie de verdade absoluta... o que dá ao trabalho de cada autor, de qualquer autor - desde o que imagina, até ao que compõe e que interpreta -, uma nobreza que expõe as injúrias, todas as injustiças, as perseguições e até o ostracismo a que muitos dos criativos estão votados. E cada disco, cada concerto, tem essa força, esse continuar, sempre, para que se honre a história de um ofício difícil, mas muito bonito, um mister que precisa mais de atenções do que de perseguições.

terça-feira, 8 de agosto de 2017

Cláudia Leal e Rão Kyao em destaque no Lounge D do Casino Estoril

Com um cartaz diversificado, o Lounge D acolhe, na próxima Quarta-Feira, 9 de Agosto, a partir das 22 horas, um espectáculo especial. Os visitantes do Casino Estoril poderão acompanhar as actuações da fadista Cláudia Leal e do músico e compositor Rão Kyao.

Estarão, ainda, em palco, Diogo Lucena e Quadros e Bernardo Romão, nas guitarras, e Luis Roquette, na viola. A entrada é livre.



Cláudia Leal


Cláudia Leal começou a cantar aos 14 anos, “tendo participado em inúmeros festivais" de 1994 a 1998, e “descobriu, então, uma nova paixão, o fado”, segundo nota do Casino. Venceu o concurso televisivo “Big Caloiro”, e em 2006 ficou em 2.º lugar, na Grande Noite do Fado de Lisboa.

A convite do cantor de baladas de Coimbra Machado Soares, falecido em dezembro de 2014, participou num espetáculo no Instituto do Mundo Árabe, em Paris, e, em 2008, na III Gala Amália, no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra.

Este ano foi uma das vozes no espetáculo da exposição “Fernando Farinha – A voz mais portuguesa de Portugal”, organizada pela associação Portuguesa dos Amigos do Fado, em Lisboa.


Rão Kyao

Ao longo de uma carreira que já dobrou a vintena de anos, o lisboeta Rão Kyao tem-se distinguido pela sua persistente vontade em redescobrir o Oriente. Fazendo uso da flauta de bambu e do saxofone, ele foi encontrando inspiração na música indiana, árabe, africana e chinesa, restabelecendo assim o elo perdido entre a tradição musical portuguesa e o Oriente.

Os mais de 20 álbuns que editou até hoje indiciam, de uma forma muito clara, a intenção expressa de, a cada passo, redescobrir as raízes da música tradicional portuguesa, não temendo, antes pelo contrário, o confronto com as suas fontes primordiais: a música indiana e a música árabe. É considerado um “embaixador” da música portuguesa, tendo já protagonizado diversas tournées por todos os Continentes.



Em Agosto, o fado renova-se às Quartas-Feiras, a partir das 22 horas, no Lounge D. O ciclo prossegue, no dia 16, com Sandra Correia e Pedro Galveias, seguindo-se Filipa Cardoso e Luís de Matos no dia 23. Por sua vez, Carmo Moniz Pereira e Gonçalo Castelbranco sobem ao palco a 30 de Agosto.

terça-feira, 1 de agosto de 2017

Grande Concerto no Casino Estoril com os Orelha Negra no Lounge D

Em noite de Grande Concerto no Casino Estoril, os Orelha Negra sobem ao palco do Lounge D para interpretar um elenco de novos temas, não esquecendo outros êxitos que marcaram o seu percurso musical. Com entrada livre, a não perder, na próxima Quinta-Feira, 3 de Agosto, a partir das 23 horas.

Com um espaço próprio no panorama da música nacional, os Orelha Negra interpretam, habitualmente ao vivo, o seu mais recente êxito intitulado “A Sombra”. Trata-se do primeiro single que integra o seu terceiro álbum de originais.

A mediática banda promete um dinâmico e ritmado encontro com os visitantes do Casino Estoril. Os sons que os cinco magníficos produzem juntos são envolventes, mas ouvi-los e vê-los ao vivo, é um prazer verdadeiramente misterioso.

Os Orelha Negra são o único grupo de hip-hop em Portugal que não tem um vocalista, o que, na verdade, não se revela necessário. A banda comunica com o público, de forma exemplar, através dos sons e samples de Sam The Kid, das dinâmicas dos teclados de João Gomes, do groove de baixo de Francisco Rebelo, da batida certa e forte de Fred e dos scratches inesperados e certeiros de Cruzfader.


Os Grandes Concertos do Casino Estoril estão agendados para o amplo espaço do Lounge D, todas as Quintas-Feiras, a partir das 23 horas, até ao próximo dia 10 de Agosto. A entrada é livre.

O programa é o seguinte:

- 03 de Agosto: Orelha Negra

- 10 de Agosto: The Gift

Com vários motivos de interesse, esta série de concertos consolida a qualidade da oferta cultural e de entretenimento do Casino Estoril, proporcionando uma atmosfera de cumplicidade com os seus visitantes.

quarta-feira, 26 de julho de 2017

O Livro da Bicicleta


Já se imaginou a ir para o emprego de bicicleta, enquanto sente o vento e o sol no rosto, desfruta calmamente do seu percurso, evita o trânsito caótico e ainda poupa tempo e dinheiro em gasolina e faz muito pela sua saúde?

O cenário é bonito mas também difícil de concretizar pois, de repente, começa a pensar como é que vai conseguir levar os seus filhos na bicicleta? como vai fazer nos dias em que chover? como vai transportar as compras que costuma colocar na bagageira do seu carro? ou como vai enfrentar aquela subida íngreme que parece impossível de vencer?

Miguel Barroso, especialista na área da Mobilidade Sustentável, prova-nos ao longo deste livro que todas estas questões podem ser facilmente resolvidas. Uns simples alforges podem solucionar o problema das compras, e uma cadeira específica, o transporte do seu filho, e vai ver que, passadas umas semanas, a subida já não é assustadora, mas apenas um pequeno declive. A chuva? Nada que um poncho impermeável não resolva, mas se vir bem não chove assim tantas vezes em Portugal.

E não tem de vestir uns calções de lycra para andar de bicicleta, é perfeitamente possível vestir o seu melhor fato e pedalar até ao seu destino. Estamos tão presos a uma lógica onde todas estas deslocações são feitas de outros modos (geralmente o carro) que deixar os velhos hábitos nem sempre é fácil. Mas acredite que é possível e este livro vai ajudá-lo a perceber que, depois de ultrapassados estes obstáculos aparentemente intransponíveis, a bicicleta vai passar a ser a sua melhor aliada.

Dias dos Avós

Sabe porque se assinala o Dia dos Avós no dia 26 de julho? Porque nesse mesmo dia comemoram-se os Dias de Santa Ana e de São Joaquim, pais de Maria e avós de Jesus Cristo.

Mesmo sem atentarmos ao calendário religioso, há já alguns anos que este dia entrou no leque daqueles a que as famílias prestam uma atenção especial. A pensar nisso, A Esfera dos Livros edita este pequeno livrinho – Avó, Conte-me a sua História.

Aqui, a sua Avó vai poder escrever a sua história, as suas memórias, as suas preferências, enfim, revelar-se como nunca se revelou e certamente vai descobrir uma Mulher ainda mais bonita, fascinante e adorável do que aquela que tinha conhecido até agora. É um livro para guardar junto dos tesouros de família: aquela fotografia especial em que a Avó está connosco ao colo, aquele brinquedo do qual somos incapazes de nos separar porque a Avó o escolheu com um carinho especial ou o casaco de malha que tricotou com muito amor. Um livro para passar de geração em geração, para que a figura da Avó fique para sempre na memória de todos.

Paulo Gonzo regressa ao Casino Estoril em noite de Grande Concerto no Lounge D

Paulo Gonzo será o protagonista de mais uma etapa do ciclo de Grandes Concertos do Casino Estoril, agendada para a próxima Quinta-Feira, 27 de Julho, no Lounge D. Em noite dedicada à música portuguesa, o artista sobe ao palco, pelas 23 horas, para interpretar as melhores composições do seu novo álbum “Diz-me” e recuperar outros êxitos da sua carreira. Os temas “Sem Ti” e “Amor Maior” estarão em destaque. A entrada é livre.

Editado no passado mês de Março, o álbum “Diz-me” entrou directamente para o primeiro lugar do Top Nacional de vendas. O novo registo discográfico de Paulo Gonzo conta com as participações especiais de Raquel Tavares, Diego El Cigala, Mario Biondi, Boss AC e The Black Mamba.

Referência obrigatória da música portuguesa, Paulo Gonzo propõe, habitualmente, uma alargada retrospectiva das suas melhores baladas, como são os casos de “Jardins Proibidos”, “Sei-te de Cor” ou “Dei-te Quase Tudo”.

Com um perfil muito versátil, Paulo Gonzo revela, ao vivo, as influências musicais que moldaram seu percurso artístico, fazendo, também, importantes incursões pelos blues e soul.

Recorde-se que foi, curiosamente, Paulo Gonzo quem inaugurou, precisamente, a 8 de Julho de 1999, o ciclo de Grandes Concertos do Casino Estoril, uma referência que, rapidamente, se consolidou na divulgação da música portuguesa.

Os Grandes Concertos do Casino Estoril estão agendados para o amplo espaço do Lounge D, todas as Quintas-Feiras, a partir das 23 horas, até ao próximo dia 10 de Agosto. A entrada é livre.

O programa é o seguinte:

- 27 de Julho: Paulo Gonzo

- 03 de Agosto: Orelha Negra

- 10 de Agosto: The Gift

Com vários motivos de interesse, esta série de concertos consolida a qualidade da oferta cultural e de entretenimento do Casino Estoril, proporcionando uma atmosfera de cumplicidade com os seus visitantes.

Por imperativo legal, o acesso aos espaços do Casino Estoril é reservado a maiores de 18 anos.

Casino Estoril inaugura na Galeria de ArteXXXVII Salão Internacional de Pintura Naïf

A Galeria de Arte do Casino Estoril inaugura, no próximo Sábado, 29 de Julho, às 17 horas, o XXXVII Salão Internacional de Pintura Naïf. Trata-se de mais uma edição deste emblemático Salão Internacional que, este ano, presta homenagem a Conceição Lopes.

“É inquestionável que se deve à Galeria de Arte do Casino Estoril a exclusividade da divulgação da valia e da importância da linguagem Naïf no contexto da nossa Arte Contemporânea. Os números são deveras significativos. Nas 36 edições realizadas participaram 558 artistas, que apresentaram cerca de 4700 obras”, sublinha Nuno Lima de Carvalho, Director da Galeria de Arte.

“O trabalho desenvolvido por esta Galeria na promoção da Arte Naïf tem dado frutos. É significativo que todos os anos esta é a exposição mais visitada de todas as organizadas por esta Galeria. De sublinhar, também, o facto de muitos dos nossos grandes artistas serem apreciadores convictos da Pintura Naïf: Francisco Relógio, Carlos Botelho, Martha Telles, Thomás de Mello/Tom, Artur Bual, Manuel Cargaleiro e Júlio Pomar reconheceram-lhe mérito e estatuto artístico, ao lado de todas as outras correntes. “É uma Arte concebida sem pecado”, como tão magnificamente a definiu Júlio Pomar”, recorda Nuno Lima de Carvalho.

No Salão Internacional de Pintura Naïf, do corrente ano, já na 37ª edição, é homenageada Conceição Lopes, artista nascida em 1942, em Panoias, Ourique, e que é uma referência nacional dentro desta modalidade. No seu currículo constam exposições individuais e colectivas realizadas, além de, obviamente, em Portugal, em Espanha, Brasil, Bélgica, Turquia e Luxemburgo. Foi distinguida com numerosos prémios, em grandes exposições internacionais e está representada em exigentes coleções particulares portuguesas e estrangeiras. O quadro “Migrantes”, é um perfeito exemplo da Pintura Naïf no seu estado puro, trabalho que retrata o fenómeno dos fluxos migratórios, utilizando cores primárias, falta de perspectiva e a atenção dispensada aos pormenores, tudo características fundamentais desta modalidade pictórica.

O XXXVII Salão Internacional de Pintura Naïf é um dos melhores desde a sua criação em 1980, e vem provar-nos que esta modalidade evoluiu e que está bem viva.

terça-feira, 18 de julho de 2017

Reportagem fotográfica do Musical “Let The Sun Shine In” no Casino Estoril

Trata-se de um musical que reúne em palco Henrique Feist, Vanessa Silva, Diogo Leite, Daniel Galvão e Valter Mira.

Há quem lhes chame baby boomers;. Essa geração dos anos 60, os anos que mudaram e moldaram o mundo. Foi na música que os anos 60 encontraram a sua maior expressão. Cantava-se de tudo, sobre tudo e às vezes contra tudo...



O novo espectáculo de Henrique Feist “Let The Sun Shine In” convida, assim, o público a divertir-se, a cantar composições intemporais, recordando uma época memorável.
































sexta-feira, 7 de julho de 2017

Comunidade chinesa em Portugal é solidária com vitimas de incêndio em Pedrógão Grande

No passado dia 23 de Junho, Choi Man Hin, Presidente da Associação de Comerciantes e Industriais Luso-Chinesa deslocou-se, com outros representantes e em nome da comunidade Chinesa, a Pedrogão Grande, para entregar em mãos um donativo no valor de 25 mil euros.

A campanha de solidariedade não parou por aqui. O relevante gesto, contou, para além da já referida Associação, com o apoio de outras entidades, nomeadamente da União Budista Portuguesa, de vários grupos de chineses incluindo investidores situados nos mais diversos locais do país, da Igreja Evangélica Portuguesa e de emigrantes detentores de vistos Gold.

Na passada Terça-Feira, dia 4, na Câmara Municipal de Pedrogão Grande, reuniram-se com o autarca Valdemar Alves, outros representantes de Associações Chinesas com a presença do Conselheiro Politico da Embaixada da China, entregando-lhe a segunda tranche de donativos, desta vez no valor de 35 mil euros.

Recorde-se que, desde o trágico incêndio que devastou Pedrogão Grande, a comunidade chinesa revelou, desde a primeira hora, uma expressiva solidariedade, unindo esforços para angariar donativos que estão a ser entregues, através de canais oficiais, para ajudar os familiares das vítimas e os desalojados pelo incêndio.

Está prevista, em breve, mais uma entrega, de valor ainda a apurar, mas que se estima no valor de cerca de 20 mil euros. O incêndio de Pedrógão Grande foi o mais devastador que ocorreu em Portugal, tendo provocado 64 vítimas mortais. Em mais de 50 mil hectares de área ardida, foram destruídas inúmeras empresas, deixando mais de 200 pessoas no desemprego.

N'A BARRACA , A Pessimista


Casino Estoril estreia no Auditório musical “Let The Sun Shine In”

Com uma programação sempre renovada, o Auditório do Casino Estoril estreia, na próxima Quarta-Feira, 12 de Julho, a partir das 21h45, o espectáculo “Let The Sun Shine In”. Trata-se de um musical que reúne em palco Henrique Feist, Vanessa Silva, Diogo Leite, Daniel Galvão e Valter Mira. O ciclo de actuações renova-se às Sextas-Feiras e aos Sábados, até 26 de Agosto.

Há quem lhes chame baby boomers;. Essa geração dos anos 60, os anos que mudaram e moldaram o mundo. Foi na música que os anos 60 encontraram a sua maior expressão. Cantava-se de tudo, sobre tudo e às vezes contra tudo...

O novo espectáculo de Henrique Feist “Let The Sun Shine In” convida, assim, o público a divertir-se, a cantar composições intemporais, recordando uma época memorável.







Ficha Artística:

Autor e encenador Henrique Feist | Direcção musical Nuno Feist | Interpretação Henrique Feist, Vanessa Silva, Diogo Leite, Daniel Galvão e Valter Mira.


Preço: 15€ por pessoa.

Bilhetes à venda e reservas:

Lojas FNAC / www.bilheteiraonline.pt / Bilheteira do Casino Estoril / Tel.: 21 466 7708 / Email: reservas@artfeist.pt

quinta-feira, 29 de junho de 2017

Inauguração da exposição “A Revolução dos Beijos” reuniu duas centenas de pessoas na Galeria de Arte

Perante cerca de duas centenas de pessoas, Renato Rodyner inaugurou a exposição “A Revolução dos Beijos” na Galeria de Arte do Casino Estoril. “É um momento muito especial, celebrar os 40 anos da minha carreira artística com esta exposição individual patente numa das Galerias de Arte mais conceituadas do País”, referiu o autor do luso-brasileiro.

Numerosos amigos, artistas de destaque no panorama das artes entre outras personalidades de relevo da sociedade portuguesa, marcaram presença na Galeria de Arte para assistir à cerimónia de inauguração de “A Revolução dos Beijos”. Trata-se de uma exposição que pode ser observada, até 24 de Julho, pelos visitantes do Casino Estoril.

Nascido em 1962, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Renato Rodyner escolheu, desde 1980, Cascais para residir e trabalhar, distinguindo-se pelo seu percurso nas artes plásticas.

“Renato Rodyner é um ser humano afável, que tem na simpatia um dos seus grandes trunfos, estando sempre pronto a ajudar o próximo. Nas Artes é um trabalhador nato e o seu contacto com grandes artistas brasileiros e portugueses tem-no ajudado muito na sua evolução. A “paleta” do Renato é riquíssima, recolhida das cores do Brasil e Portugal, que utiliza com saber e com apontamentos expressionistas líricos”, sublinha Nuno Lima de Carvalho, Director da Galeria de Arte.

terça-feira, 27 de junho de 2017

Animação musical no Casino Lisboa com os Soundsuite no Arena Lounge

As noites de Verão no Casino Lisboa distinguem-se pelas melhores propostas de música ao vivo. Com um repertório diversificado, a banda Soundsuite protagoniza, a partir da próxima Quarta-Feira, 28 de Junho, um dinâmico ciclo de actuações no palco multiusos do Arena Lounge. Com entrada livre, a não perder, até Sábado, 1 de Julho.


Com um enquadramento inovador, os Soundsuite propõem, em palco, a reinvenção de várias composições com arranjos originais que oferecem novas perspectivas sobre os temas, com uma base acústica e exploração de sons e timbres.

Bem conhecidos dos visitantes do Casino Lisboa, os Soundsuite reúnem, em palco, o vocalista Nuno Craveiro acompanhado pela sua guitarra, Luís Pinto no baixo, Fábio Rodrigues na bateria e percussão, e Diogo Gonçalves na flauta transversal, melódica e teclados.


Programação da banda Soundsuite

Quarta-Feira, dia 28 de Junho: 22h00 às 22h50 e das 23h10 às 00h00

Quinta-Feira, dia 29 de Junho: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10

Sexta-Feira, dia 30 de Junho: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10


Sábado, dia 1 de Julho: 20h30 às 21h20 e das 23h20 às 00h10

Comunidade chinesa em Portugal apoia vitimas de incêndio em Pedrógão Grande

 Na sequência do trágico incêndio de Pedrógão Grande, a comunidade chinesa residente em Portugal organizou uma campanha de angariação de dinheiro e bens, que já ultrapassou os 156 mil euros, em prol das vítimas e dos bombeiros portugueses. Choi Man Hin, Presidente da Associação de Comerciantes e Industriais Luso-Chinesa foi o mentor desta iniciativa solidária que está, ainda, a decorrer, tendo apoiado, através da associação que preside e de outras entidades, com mais de 70 mil euros do valor total dos donativos da comunidade chinesa.

Em encontro realizado, na passada Sexta-Feira, na Câmara Municipal de Pedrógão Grande, Choi Man Hin teve a oportunidade de manifestar o seu “profundo pesar” ao autarca Valdemar Alves, entregando-lhe, na ocasião, 25 mil euros. O restante valor dos donativos será entregue, assim, que terminar esta campanha de solidariedade.

O relevante gesto solidário da comunidade chinesa em Portugal contou com os importantes apoios da Associação de Comerciantes e Industriais Luso-Chinesa, de grupos de investidores e de comércio situados nos mais diversos locais do País, da Igreja Evangélica Portuguesa, da União Budista Portuguesa, e de centenas de investidores chineses detentores de Vistos Gold que se encontram a viver em Portugal.

Inserida na sociedade portuguesa e com um importante contributo no seu desenvolvimento económico e social, a comunidade chinesa revelou, desde a primeira hora, uma expressiva solidariedade, unindo esforços para angariar donativos que serão entregues, através dos canais oficiais, para ajudar os bombeiros, os familiares das vítimas e os desalojados pelo incêndio.

Nascido em Macau, Choi Man Hin reside em Portugal, há 33 anos, tendo uma sólida amizade e profundo conhecimento do País. Por isso mesmo, ao constatar a dimensão da tragédia de assolou Pedrógão Grande, não ficou indiferente e decidiu mobilizar esta solidariedade da comunidade chinesa.


“O povo português é muito afável e sempre recebeu bem os estrangeiros. Por isso, esta é uma forma da comunidade chinesa retribuir a simpatia e o apoio que tem recebido ao longo dos anos”, referiu Choi Man Hin.


Recorde-se que o incêndio de Pedrógão Grande foi o mais devastador que ocorreu em Portugal, tendo provocado 64 vítimas mortais. Em mais de 50 mil hectares de área ardida, foram destruídas inúmeras empresas, deixando mais de 200 pessoas no
 desemprego.


Mais 1 de 100 Imprimir todos Nova janela CONFERÊNCIA: "NINGUÉM SABE QUE COISA QUER’: A GRANDE GUERRA E A CRISE DOS CÂNONES CULTURAIS PORTUGUESES”


Acompanhe entre 28 e 30 de junho, entre as 10h00 e as 18h00, na Fundação Gulbenkian

Uma iniciativa da Fundação Calouste Gulbenkian, com o apoio da RTP, no âmbito do Centenário da I Grande Guerra (1914-1918) e de entrada livre.

Para lá do seu profundo impacto político, económico e social, a participação de Portugal na I Guerra Mundial marcou profundamente todos os domínios da vida cultural portuguesa, desde as práticas e representações quotidianas à criação artística e literária. Esta conferência analisa e discute os efeitos do conflito na Literatura, nas Artes Plásticas, na Música, no Teatro e no Cinema, mas também no pensamento político, na esfera religiosa, nos comportamentos e nas mentalidades.

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Casino Estoril inaugura na Galeria de Arte “A Revolução dos Beijos” de Renato Rodyner

A Galeria de Arte do Casino Estoril inaugura, no próximo dia 22 de Junho, às 21h30, a exposição “A Revolução dos Beijos”, da autoria do luso-brasileiro Renato Rodyner. O artista nasceu em 1962, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil e desde 1980, escolheu Cascais para trabalhar e residir.

“Renato Rodyner é um ser humano afável, que tem na simpatia um dos seus grandes trunfos, estando sempre pronto a ajudar o próximo”, sublinha Nuno Lima de Carvalho, Director da Galeria de Arte.

“Nas Artes é um trabalhador nato e o seu contacto com grandes artistas brasileiros e portugueses tem-no ajudado muito na sua evolução. A “paleta” do Renato é riquíssima, recolhida das cores do Brasil e Portugal, que utiliza com saber e com apontamentos expressionistas líricos”, conclui Nuno Lima de Carvalho.

A Galeria de Arte do Casino Estoril acolhe, assim, a exposição “A Revolução dos Beijos”, na qual Renato Rodyner comemora, precisamente, 40 anos da sua já notável carreira artística.

quinta-feira, 8 de junho de 2017

S.O.S. Operação Bikini - O PLANO DE 31 DIAS PARA OBTER UMA BARRIGA FIRME

Barriga Fit não é um guia de atividade física, nem um manual de dieta, mas um diário de saúde e de boa forma que, uma vez seguido ao longo de um mês, lhe vai trazer resultados surpreendentes e duradouros, com um corpo mais bonito e uma barriga verdadeiramente fit.

Izabel de Paula traz-nos uma massagem específica por dia, para aplicar a si própria e também uma «mezinha» de fácil preparação. Esta combinação arrasadora irá fazer com que perca rapidamente volume abdominal e favoreça a oxigenação das células, eliminando toxinas, tonificando os músculos e, em pouco tempo, começar a perder barriga. Barriga Fit ensina-lhe também os exercícios físicos mais eficazes para fortalecer os músculos abdominais, que poderá executar com facilidade em qualquer sítio.

E, para que se sinta acompanhada e com uma motivação acrescida, encontrará um mapa dos seus treinos diários e uma grelha para preencher com informações sobre o que põe no prato.


«Sei que este livro vos vai ajudar a atravessar o "deserto das gorduras localizadas". Isto vindo de uma mulher magra pode soar a disparate, mas a flacidez e a celulite afetam todas as mulheres – e eu não sou exceção.»

Ana Sofia Martins, atriz