quinta-feira, 12 de outubro de 2017

Jazznesis - A Música dos Genesis no Auditório do Casino Estoril


Com uma proposta inédita, o Auditório do Casino Estoril acolhe, no próximo dia 20 de Outubro, às 21h30, o espectáculo Jazznesis. O rock progressivo da mítica banda britânica Genesis veste-se de jazz pela mão de Jaume Vilaseca Quartet Mar, através do seu projecto Jazznesis.

Esta formação liderada pelo conceituado pianista e compositor catalão Jaume Vilaseca, um dos músicos mais versáteis do jazz espanhol, evoca o universo musical dos Genesis entre 1970 e 1974 com arranjos musicais jazzísticos a que imprime sonoridades mediterrânicas com pequenos toques de flamengo.

A carreira dos Genesis constitui o mote para um espectáculo revivalista que promete surpreender o público. A cantora convidada Mar Vilaseca, filha de Jaume e uma revelação do jazz catalão, estará em destaque dando voz às fabulosas letras de Peter Gabriel.


Bilheteira do Casino Estoril

Todos os dias das 15h00 às 19h00 / Em dias de espectáculo à noite, das 15h00 às 22h00 

Reservas: 214667708 / Reservas Online: www.artfeist.pt / Outras bilheteiras: FNAC, Worten, CTT e locais habituais.

segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Mega produção de Filipe La Féria esgota, desde Maio, o Salão Preto e Prata


100ª representação de “A Volta ao Mundo em 80 Minutos”

agendada para 15 de Outubro no Casino Estoril

Com cinco meses consecutivos de representações, e mais de 70 mil espectadores, o musical “A Volta ao Mundo em 80 Minutos”, da autoria de Filipe La Féria, tem a sua 100ª representação agendada para o próximo Domingo, dia 15 de Outubro, às 17 horas, no Salão Preto e Prata do Casino Estoril.

“A Volta ao Mundo em 80 Minutos” distinguiu-se, bem cedo, como um cartaz de grande êxito, tendo já merecido os aplausos de numerosos espectadores de todas as gerações no Salão Preto e Prata.

A mais recente mega produção de Filipe La Féria tem conquistado o público e a crítica especializada, revelando-se um musical diferente, divertido, alegre e com muito humor.

Com uma qualidade interpretativa impar, João Baião é o protagonista deste espectáculo que continua a surpreender, de Quinta-Feira a Domingo, os visitantes do Casino Estoril.

Glosando o tema de Júlio Verne em que um apostador desafia os seus adversários, afirmando que consegue dar a volta ao mundo em 80 dias, este musical, distingue-se por a volta decorrer em 80 minutos, percorrendo todos os pontos do globo.

“A Volta ao Mundo em 80 Minutos” revisita as melodias e canções que fazem parte da memória coletiva de cada país numa narrativa iminentemente popular e abrangente a todos os gostos, onde o revivalismo se alia com a contemporaneidade num show que engloba o teatro, o cinema, a música, o bailado, a acrobacia e que proporciona 80 minutos inesquecíveis a cada espectador.

“A Volta ao Mundo em 80 Minutos” está em exibição de Quinta-Feira a Domingo no Salão Preto e Prata do Casino Estoril. Quintas e Sextas-Feiras às 21h30 / Sábados às 17h00 e às 21h30 / Domingos às 17h00. M/12.

Preços: Plateia: 25€ / Plateia Superior: 27,50€ / Plateia Central: 35€ / 1º Balcão: 30€ / 2º Balcão: 20€ / 3º Balcão: 15€

Os bilhetes estarão à venda:

Bilheteira do Casino Estoril:

- De Segunda-Feira a Sábado das 15h00 às 22h00

- Aos Domingos das 15h00 às 20h00

As reservas podem ser efectuadas:

Telfs: 210 135 050 e 214 667 796

Email: reservas.estoril@filipelaferia.pt

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Música ao vivo com Michel William no Arena Lounge do Casino Lisboa

É já na próxima Quarta-Feira, dia 6, que Michel William se reencontra com os visitantes do Casino Lisboa. Com uma versatilidade assinalável, apresenta-se como vocalista, guitarrista, compositor e produtor, conciliando uma fusão entre reggae, ska, funk, jazz e afro. Com entrada livre, a não perder, até Sábado, 9 de Setembro.

Com sets muito dinâmicos, Michel William não só canta pela paixão que tem pela música, mas também pela paz, amor e evolução da consciência humana. Num curto ciclo de actuações, o artista partilha o palco multiusos com o baixista Renato Chantre e o baterista David Campos.

Michel William, natural de Moçambique mas com raízes portuguesas, é desde criança apaixonado pela música. Começou por tocar temas de Michael Jackson, R. Kelly, James Blunt, Marron 5, Tracy Chapman, Djavan, Caetano Veloso, Bob Marley, entre outros.

Até descobrir a guitarra aos 16 anos, tocava piano, mas o instrumento das seis cordas fez emergir a sua inspiração para novas composições.

Começou, desde então, a apreciar artistas como Tom Jobim, João Gilberto, George Benson, Nat King Kole, Ray Charles entre outras figuras (do Jazz, Blues, Bossa nova, R&B, Soul, Funk) que integram a sua lista de ídolos.


As noites de música ao vivo continuam em destaque no Casino Lisboa que recebe, de Quarta-Feira a Sábado, Michel William. Com entrada livre, a não perder, no Arena Lounge.


Programação de Michel William:

De Quarta-Feira a Sábado: 20h30 às 21h20 e das 23h10 às 00h00

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Joana Amendoeira em concerto especial no Lounge D do Casino Estoril

Em noite dedicada ao fado, Joana Amendoeira protagoniza um concerto especial, a 11 de Setembro, às 22h30, no Lounge D do Casino Estoril. O espectáculo insere-se no programa do "Festival Internacional de Cultura 2017 - FIC” e no mais particular da Festa do Livro, eventos apoiados pela Estoril Sol. A entrada é livre.

Considerada uma referência no meio fadista, Joana Amendoeira sobe ao palco do Lounge D para interpretar fados da autoria de Pedro Homem de Melo e de outros poetas numa singular homenagem à literatura portuguesa. A fadista será acompanhada por Paulo Valentim na guitarra portuguesa e Bruno Costa na viola.

Nascida em Santarém, muito cedo descobriu o apelo para ser fadista e, aos 12 anos, venceu a Grande Noite do fado do Porto. Ao longo da sua carreira, teve a oportunidade de cantar nas melhores casas de Fado de Lisboa (Clube de Fado e Sr. Vinho) e nessa “escola” absorveu os grandes ensinamentos dos fadistas mais antigos e dos músicos.

Todos lhe reconheciam a voz especial, a atitude, o talento e, gentilmente, lhe passaram a sua arte, as poesias e as histórias vividas.

O seu percurso conta com nove discos editados e várias participações em compilações especiais de Fado, nacionais e internacionais, assim como vários prémios (entre eles, o de melhor Disco de Fado 2008, atribuído pela Fundação Amália Rodrigues). Foi convidada para se apresentar em diversas Feiras de World Music, como o Mercat de Musica Viva de Vic 2003 (Espanha) e a Strictly Mundial 2005 (Canada) e distinguiu-se em várias digressões por diversos países como Espanha, Itália, Hungria, Lituânia, Suécia, Brasil, Argentina, EUA, India e Japão.

Joana Amendoeira defende com orgulho o legado do Fado sem de esquecer da sua própria expressão artística.

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Mico da Câmara Pereira celebra 30 anos de carreira em concerto no Salão Preto e Prata do Casino Estoril

Em noite comemorativa dos seus 30 anos de carreira, Mico da Câmara Pereira protagoniza, no próximo dia 27 de Setembro, pelas 21h30, um concerto especial intitulado “A Tua Voz É Saudade” no Salão Preto e Prata do Casino Estoril. Trata-se deum espectáculo único, no qual Mico da Câmara Pereira convida a subir ao palco um elenco de nomes consagrados da música portuguesa como Olga Prats, Luís Represas,Mafalda Arnauth, José da Câmara, os Irmãos Francisca, Nuno e Gonçalo da Câmara Pereira, Frederico B.C., Rui Melo, Silvestre Fonseca, Noa, Paula Varella Cid, João Campos, Grupo de Cante Alentejano Bafos de Baco e a Tuna Académica do Liceu deÉvora. 

Com um enquadramento intimista, Mico da Câmara Pereira propõe, durante duas horas,uma viagem musical pelos seus três Cd’s editados que marcaram diferentes épocas da sua carreira. O público poderá acompanhar as melhores composições de "À Sombra da Lua" de 1999, "Por Viver Assim" de 2002, e "A Tua Voz é Saudade de 2016
O concerto “A Tua Voz É Saudade” reúne, assim, um notável elenco que irá, decerto,envolver o público em tudo o que se está a passar em palco. Está, assim, assegurado um belo momento de intimidade que será partilhado por todos os que estiverem presentes no Salão Preto e Prata do Casino Estoril.A aventura da música tem forçosamente de ter um sentido, talvez porque ao centrar-sena imaginação da sociedade, ela promova educação e alimente o sonho de quem a vive ou a segue de perto.

A música será, por isso, de todas as artes, aquela que mais facilmente nos fala das coisas mais elevadas e mais profundas, como se esse dar a mão, gerasse uma espécie de verdade absoluta... o que dá ao trabalho de cada autor, de qualquer autor - desde o que imagina, até ao que compõe e que interpreta -, uma nobreza que expõe as injúrias, todas as injustiças, as perseguições e até o ostracismo a que muitos dos criativos estão votados. E cada disco, cada concerto, tem essa força, esse continuar, sempre, para que se honre a história de um ofício difícil, mas muito bonito, um mister que precisa mais de atenções do que de perseguições.